Padre

Sandro Rogério

Sandro Rogério dos Santos é Tarabaense nascido em Presidente Prudente aos 4/4/1976. Padre diocesano da Igreja Católica Apostólica Romana desde 7/9/2004. Licenciado em Filosofia pela Universidade do Sagrado Coração (USC - Bauru) e Bacharel em Teologia pela Pontifícia Universidade Nossa Senhora da Assunção (São Paulo). Especialista em Gestão de Pessoas (MBA-PÓS Toledo Prudente, 2019). Apresentou programas de rádio; responsável pelo Setor Diocesano de Comunicação, atuante nos meios de comunicação (internet, rádio e jornal) e nas redes sociais ; atuou na pastoral carcerária, administrou paróquias (Caiuá e Piquerobi) com comunidades de trabalhadores rurais sem terra; desde 2004 mantém coluna diocesana semanal em periódicos da região; artigo opinativo semanal no jornal O Imparcial de Presidente Prudente desde janeiro de 2014. Assessor eclesiástico do CCEM (Círculo Católico Estrela da Manhã). Assessor eclesiástico diocesano da Pastoral da Acolhida desde 26/9/2018. É pároco desta paróquia desde 03/07/2011.

Padre

Sandro Rogério

Sandro Rogério dos Santos é Tarabaense nascido em Presidente Prudente aos 4/4/1976. Padre diocesano da Igreja Católica Apostólica Romana desde 7/9/2004. Licenciado em Filosofia pela Universidade do Sagrado Coração (USC - Bauru) e Bacharel em Teologia pela Pontifícia Universidade Nossa Senhora da Assunção (São Paulo). Especialista em Gestão de Pessoas (MBA-PÓS Toledo Prudente, 2019). Apresentou programas de rádio; responsável pelo Setor Diocesano de Comunicação, atuante nos meios de comunicação (internet, rádio e jornal) e nas redes sociais ; atuou na pastoral carcerária, administrou paróquias (Caiuá e Piquerobi) com comunidades de trabalhadores rurais sem terra; desde 2004 mantém coluna diocesana semanal em periódicos da região; artigo opinativo semanal no jornal O Imparcial de Presidente Prudente desde janeiro de 2014. Assessor eclesiástico do CCEM (Círculo Católico Estrela da Manhã). Assessor eclesiástico diocesano da Pastoral da Acolhida desde 26/9/2018. É pároco desta paróquia desde 03/07/2011.

As Capelas do Santuário

Do santuário diocesano para o 'santuário doméstico' - as capelas da paróquia


Presidente Prudente, 15 de agosto de 2020.

 

Meus queridos, amigos, paroquianos e devotos de Santa Teresinha,
espero que esteja bem, em paz e na reunião da sua família!

 

Entramos no sexto mês da pandemia da covid-19, o que implicou tantas alterações no ritmo de vida das pessoas. Como a paróquia está no mundo e é formada por pessoas que também estão no mundo, a vida comunitário-eclesial ficou profundamente afetada. Passado tanto tempo, poderia dizer muitas coisas, mas não o farei. Quero apenas incentivar você a perseverar na sua fé.

O Santuário diocesano de Santa Teresinha não tem, em sentido estrito, nenhuma capela (em geral, uma pequena igreja vinculada à matriz). Mas neste tempo, tive que rever o meu conceito e perceber que a nossa paróquia tem MUITAS CAPELAS, muitos santuários domésticos, as casas dos fiéis.

Como contenta o coração do padre saber que as famílias estão reunidas para rezar, para ouvir a palavra de Deus, para partilhar as dores e as angústias do dia a dia. E isso, hoje, por meio da internet, seja nas nossas transmissões de missa e de orações, seja na recitação do rosário (terço) ou de outra oração feita em família.

Persevere. Continue progredindo. Que a esperança seja alimentada pela chama da fé. Que a alegria do Senhor seja a força restauradora da sua alegria, mesmo em meio às tristezas desses dias.

Agradeço a todos os que tem nos ajudado a fazer essa travessia. As equipes litúrgicas (ministros da comunhão, cantores, leitores, acolhida, ornamentação, comunicação) e outras (funcionários, conselho administrativo, catequistas…). Agradeço ainda aos dizimistas que permanecem fiéis na devolução do seu reconhecimento por tudo quanto Deus lhe tem provido.

Que nossa querida e amada padroeira Santa Teresinha continue derramando uma chuva de rosas sobre todos nós, seus amigos e devotos.

Um abraço.
Pax!!!

Padre Sandro Rogério dos Santos (Pároco)